Mafra(SC), Quarta-Feira, 01 de Dezembro de 2021 - 17:40
09/11/2021 as 17:13 | Por Assessoria |
Técnico argentino pede salário de R$ 2 milhões para comandar o Flamengo em 2022
Renato Gaúcho não convenceu torcida rubro-negra mesmo estando na final da Libertadores
Fotografo: divulgação
Gallardo-sbcsul.09.11.21

Apesar de estar na final da Libertadores, o Flamengo, de Renato Gaúcho, vem sendo bastante criticado pela torcida, principalmente pelo baixo rendimento em campo comparado ao que o estrelado elenco pode e já rendeu.

Se for analisar friamente os números, eles não são ruins: 20 vitórias em 31 jogos. No entanto, como já dito, as críticas se dão principalmente pela forma de jogar e também por algumas escolhas do treinador. A situação piorou principalmente nas últimas rodadas do Brasileirão, após o time ceder o empate ao Athletico Paranaense e praticamente sair da disputa do título brasileiro e novamente empatar, desta vez com a Chapecoense, lanterna deste Brasileirão.

O grande desejo da torcida segue sendo, sem dúvidas, o português Jorge Jesus, que fez história no clube carioca e vem passando por algumas polêmicas envolvendo os jogadores no Benfica. No momento, oficialmente, porém, não se fala sobre este retorno.

Deste modo, diversos nomes vem sendo especulados para comandar o Mais Querido em 2022, com os grandes sonhos da torcida sendo o português Jorge Jesus, e o argentino Marcelo Gallardo, que atualmente comanda o River Plate e recentemente anunciou que deixará o clube no fim de seu atual contrato.

Contudo, segundo o Bola Vip Brasil, para aceitar o desafio de se aventurar no futebol brasileiro, conhecido pela alta rotatividade dos treinadores, que raramente permanecem nos cargos até o fim de seus contratos, o argentino pede um salário de R$ 2 milhões, um valor bem acima da média em relação ao que o Flamengo costuma pagar a seus treinadores (Renato por exemplo recebe R$ 600 mil mensais), o que pode dificultar futuras negociações do argentino com a diretoria do mengão.

Vale ressaltar que Gallardo vem sendo bastante sondado pelo futebol europeu, mas ainda não aceitou nenhuma proposta do velho continente, alegando não ter encontrado uma oferta que atenda as suas demandas.

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil