Mafra(SC), Sexta-Feira, 27 de Maio de 2022 - 21:38
30/04/2022 as 03:31:47 | Por Sinval Campelo |
Taxa de iluminação pública (Cosip) revolta moradores de Mafra
Abaixo-assinado começa a circular entre os munícipes a partir deste sábado, 30 e será entregue ao MP
Fotografo: divulgação
Mobilização contra abusos cobrados-sbcsul.30.4.22

 
Último dia do mês de abril, neste sábado 30,   deve ser marcado por protestos pacíficos  de moradores contra a administração municipal. As próximas sessões da Câmara dos Vereadores do mês de maio também prometem serem agitadas. Isso porque moradores estão decididos a realizar uma manifestação em frente ao Legislativo a fim de contestar a taxa da Cosip, que vem sendo cobrada na cidade.
 
Um abaixo-assinado vai correr neste sábado, 30, entre os munícipes para ser apresentado aos vereadores e encaminhado ao Ministério Público (MP).  As reclamações ganharam forças nas redes sociais após a mobilização da moradora Elisangela Hack.
 
Os valores assustam
 
A taxa da Cosip , por exemplo, oscila chegando a R$ 250, ou para mais. Elisangela  questiona a cobrança desta taxa. Ela diz  que se somar as duas tarifas, a do consumo da energia elétrica  com a de iluminação pública (Cosip) tem morador do interior pagando cerca de R$ 700 por mês.
 
O protesto se refere também a não ter postes de iluminação ou lampadas queimadas em determinados pontos das estradas do interior e mesmo assim famílias mafrenses têm que pagar como se o serviço tivesse sendo efetuado no local.  
 
 
-Falta de respeito com a população, o povo  sofrendo com essa taxa abusiva”, criticou a moradora Elisangela.