Mafra(SC), Quarta-Feira, 10 de Agosto de 2022 - 14:41
03/08/2022 as 22:36 | Por Redação |
Servidores da saúde de Mafra recebem benefícios suspensos na pandemia pelo Governo Bolsonaro
Lei Complementar nº 191/2022, do Governo Federal, possibilitou agora o pagamento aos da saúde apenas
Fotografo: divulgação
Policlínica de Mafra-sbcsul.3.8.22

A Prefeitura de Mafra pagou na folha de julho deste ano,  benefícios como triênios, quinquênios de licenças-prêmio, entre outros, aos servidores efetivos lotados na Secretaria Municipal de Saúde e que tinham direito a esses benefícios.  O pagamento aconteceu com base na Lei Complementar  nº 191/2022, do Governo Federal, “que permite aos servidores da saúde e da segurança pública contarem com o período de maio de 2020 a dezembro de 2021 para aquisição de direitos relacionados ao tempo de serviço”.

O Executivo Municipal explicou que, por força da Lei, somente puderam ser pagos os benefícios  exclusivamente aos funcionários da Saúde, ficando todos os benefícios dos demais servidores  a serem pagos após o prazo de suspensão,  de 1 ano e 7 meses, a contar a partir de janeiro deste ano.

Entenda o caso

Em  maio de 2020 o Presidente Jair Bolsonaro havia repassado recursos da União  para enfrentamento da pandemia, aos Estados, Municípios e Distrito Federal, em troca de restrições no crescimento de despesas com os servidores públicos.

Pela Lei Complementar 173/20, não somente pagamentos de benefícios ligados ao tempo de serviço e de aumento de salários foram proibidos, mas também a contagem do tempo para pagamentos futuros. Entre esses benefícios ligados ao tempo de serviço estão anuênios, triênios, quinquênios e licenças-prêmio.

A Lei Complementar nº 191/2022, do Governo Federal,  possibilitou agora o pagamento aos servidores da saúde. 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil