Fale Conosco
(47)997532591

Mafra(SC), Sexta-Feira, 23 de Fevereiro de 2024 - 01:54
Moeda
Dólar - BRL 4.9649
Libra - BRL 6.2972
Euro - BRL 5.3821
Bitcoin - BRL 209250,95

13/12/2023 as 02:16:50 | por Sinval Campelo |

Prefeitura de Mafra avalia e negocia terreno por valor abaixo do mercado, diz Vereador

Câmara aprova a negociação com voto contrário do vereador Jonas Schultz

Fotografo: divulgação
...
Jonas Dentista -sbcsul.13.12.23

Um projeto que supostamente lesa Mafra foi aprovado pela Câmara de Vereadores, segundo um agente imobiliário que passou informações ao SBCSul e pediu que sua identidade não fosse revelada. O vereador Jonas Schultz (Jonas Dentista) também colocou uma “pimentinha” nessa história quando levantou suspeita de que o terreno de 389,50 m², situado na Avenida Presidente Nereu Ramos, próximo da esquina com a rua Vereador Otávio Licnerski, no bairro Jardim do Moinho estaria supostamente sendo negociado pela Prefeitura por um valor inferior ao de mercado. O projeto foi aprovado com voto de 10 vereadores. Jonas Dentista foi o único a votar contra, vereador João Maria Ferreira presidia a Mesa na ocasião e por isso não vota e o vereador Sergio Severino (Serginho) como presidente da Câmara representava o Legislativo em um evento paralelo.

Acontece que a empresa Werner Participações e Administração de Imóveis Ltda (Moinhos Werner) já teria avançado seus domínios sobre o terreno público e sendo assim a Prefeitura decidiu vender à empresa essa área por R$ 278.082,83. No entanto, o vereador Jonas Dentista disse durante  seu pronunciamento na Câmara, com relação a discussão do projeto, de ter sido procurado por representantes do Moinhos Werner e ouvido destes de que a empresa estaria apta a pagar valor venal bem a mais do que estava sendo negociado pela Prefeitura, para ficar com essa área.

Nos bastidores, o SBCSul soube que os assessores do prefeito trabalharam junto aos vereadores da base para votação favorável ao projeto. E somente Jonas Dentista votou contra, por entender que a avaliação prévia do terreno feito pela empresa Geomais, contratada pela Prefeitura era um valor venal abaixo do mercado. No projeto, a justificativa da Prefeitura foi de que a topografia do terreno não era de boa qualidade e que o valor venal estaria “próximo” ao valor de mercado e, não alterou o valor à venda, sendo que poderia.

Chama atenção que no projeto do Executivo enviado à Câmara consta que a avaliação venal do terreno foi emitido pela Comissão de Avaliação de Imóveis e no final há uma definição de que o valor real cabe à Prefeitura decidir, podendo diminuir, aumentar ou aceitar o proposto. A Prefeitura manteve.

-Estou como vereador pelo certo, para votar pelo correto – pontuou Jonas Dentista.

 

 

 

 

 

 


Este Portal de Notícias é uma publicação da SBC do Sul com o CNPJ , e trata-se de uma empresa de direitos privados na área da Comunicação. INFORMAMOS a quem interessar possa, que, Todo e Qualquer Conteúdo e Imagens aqui publicados, exibidos neste portal de notícias e nesta página são de nossa inteira e total Responsabilidade.
A empresa franqueadora desta Plataforma ou a Cessionária da Rede não possuem nenhuma relação de Responsabilidade JURÍDICA para com as nossas matérias, artigos ou outras publicações. Caso haja alguma dúvida em detrimento a esta matéria ou outro conteúdo entre em Contato com a direção de nossa empresa através do E-mail 0 ou de nosso WhatsApp (47)997532591
COMO ENVIAR CONTEÚDOS
OUTROSSIM: Caso queira nos enviar qualquer conteúdo jornalístico, ele deve vir assinado por um jornalista ou o seu Autor e a(s) IMAGEM(ENS) deve estar com uma Autorização por Escrito por parte do Fotografo Autor da MESMA - Autorizando o USO (da publicação da mesma), pois, aqui respeitamos as Leis brasileiras e a Lei dos Direitos Autorais nacional e internacional.

SBC SHOPPING

Copyright© Todos os direitos reservados Rede SBC do Brasil - 2006 a 2918

Sites e Notícias em rede - se trata de um projeto patentiado no INPI

SBCW - Tecnologia web Agência digital