Cidadão Repórter

(47)997532591
Mafra(SC), Sexta-Feira, 07 de Maio de 2021 - 07:10
19/08/2020 as 08:53 | Por Assessoria | 556
Padre/capelão da PM tem bloqueio de bens por desviar R$ 2 milhões em doações
A defesa do padre alegou que ele foi enganado pelo contador
Fotografo: divulgação
Padre se diz inocente-sbcsul.18.8.20

 
A Justiça de São Paulo mandou bloquear os bens do padre e ex-capelão da Polícia Militar Osvaldo Palópito, de 66 anos. Ele foi condenado em outubro de 2016 a 26 anos de prisão por desviar cerca de R$ 2 milhões de fiéis que frequentavam a capela da corporação no centro da capital paulista. As informações são do Uol.
 

De acordo com o Ministério Público de SP, o padre teria expedido carnês a fiéis previamente cadastrados. Eles faziam os pagamentos acreditando que as doações seriam utilizadas em obras assistenciais da Igreja de Santo Expedito, na região da Luz.

 

No entanto, o valor foi utilizado para a compra de uma cobertura na Riviera de São Lourenço, em Bertioga (SP), e um terreno onde construiu um empório. O bloqueio dos bens foi determinado pela Justiça para garantir o ressarcimento de R$ 5,3 milhões.

 

No processo, a defesa do padre alegou que ele foi enganado pelo contador contratado pela igreja e que este seria o autor dos desvios. Disse ainda que não sabia do crime e que o seu patrimônio não foi comprado com os recursos da igreja.

 

Fonte Portal Terra




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil