Mafra(SC), Sexta-Feira, 27 de Maio de 2022 - 22:14
29/09/2021 as 23:09:55 | Por Sinval Campelo |
Lâmpadas queimadas, banheiro sem pias,sem segurança e sem lanchonete; estado da Rodoviária de Mafra
Descaso e desrespeito por parte da Prefeitura de Mafra com usuários da Rodoviária
Fotografo: Sinval Campelo
É como visitantes tomam água.. SBCSul.29.9.21

Descaso por parte da Prefeitura de Mafra com o Terminal Rodoviário, o qual deveria ser o cartão postal da cidade, está praticamente abandonado. Só não está mais “tirado às traças” porque funcionários tentam manter o local em ordem como podem e contam com a ajuda dos taxistas que por muitas vezes tem auxiliado na segurança do terminal, coibindo vândalos, drogados e moradores de rua de utilizarem a rodoviária como ponto de moradia.
 
No bilhete de passagem consta que é  cobrado taxa de embarque dos usuários que usam a Rodoviária para o transporte coletivo para viagens até Curitiba (PR), Florianópolis (SC) e outras cidades, porém a sala de espera e corredores encontram-se sem iluminação, com lâmpadas queimadas e outras no corredor que dá acesso ao ponto de táxis funcionando ora sim ora não.  O SBCSul constatou que os  banheiros precisaram ter fechaduras repostas pelos taxistas, pois a Prefeitura não tomou providências para solucionar o problema. O descaso para os usuários, vai mais além, pias estão precisando ser consertadas nos banheiros e colocadas no local devido, e pode-se afirmar que o banheiro masculino está sem condições de uso. Os dois bebedouros que o Terminal possuía foram retirados pela atual administração municipal e nenhum outro foi instalado, fazendo com que passageiros busquem  a alternativa de pegar água potável, direto no cano, se tiverem sede.
 
Com a pandemia pelo Covid-19, a lanchonete fechou e quem vem de Lages, por exemplo, não tem mais onde fazer um lanche para seguir viagem e ainda  existe a falta de um guarda noturno no local o que poderia inibir atitudes de vândalos e usuários de drogas no local, trazendo mais segurança e tranquilidade aos viajantes.
 
O funcionário da Prefeitura, diretor responsável pelo Terminal Rodoviário de Mafra não foi encontrado pelo SBCSul para dar explicações sobre o descaso da atual gestão do prefeito Emerson Maas, com o prédio da Rodoviária. O que se pode perceber neste momento é que servidores estão envergonhados e não sabem o que falar para visitantes, os quais embarcam e desembarcam no município através do Terminal e se deparam com uma rodoviária abandonada pelo Poder Público :  sem segurança noturno, sem bebedouros, com banheiros precisando de reformas, com lâmpadas queimadas nos corredores, sem lanchonete e com guarda-bagagem desativado.




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil