Mafra(SC), Quarta-Feira, 10 de Agosto de 2022 - 13:56
21/04/2022 as 21:49 | Por Sinval Campelo |
Ex-prefeito de Mafra, Wellington Bielecki vai disputar vaga na Assembleia Legislativa
Correligionário confiante que Mafra e região vai eleger Bielecki na eleição de 2 de outubro
Fotografo: divulgação
Wellington Bielecki em foto recente-sbcsul.21.4.22

O advogado de 46 anos, ex-prefeito do município de Mafra (SC) entre os anos de 2015 e 2020, Wellington Bielecki (PSD) ao deixar o cargo no final de 2020 e ter apoiado nos bastidores o seu sucessor, o atual prefeito Emerson Maas (Podemos), está de volta a cena política e tem seu nome posto no processo eleitoral deste ano como pré-candidato a deputado estadual pelo PSD e, de acordo com lideranças políticas da região, pode surpreender nas urnas em 2 de outubro. Além de sua base eleitoral em Mafra, Bielecki vem desde novembro de 2021, costurando nos bastidores formação de um núcleo de lideranças de apoio na região da Amplanorte (10 municípios), e também tentando expandir seu campo de atuação política para outras regiões do Planalto Norte de Santa Catarina.

 

Ao SBCSul, integrante da base de apoio de Wellington, que pediu para não ter sua  identidade revelada, uma vez que, todo andamento pré-campanha vem sendo feito de forma discreta, disse que o objetivo da formação de um grupo forte de lideranças na região em torno do nome de Bielecki está se consolidando de forma gradual e espontânea.

 

-A gente já tem um grande apoio na região de Mafra e estamos construindo novas alianças do lado de São Bento do Sul, também do sul do Estado e hoje a pré-campanha já está presente em quase 15 cidades e tudo acontecendo sem atropelos, dialogando com as pessoas – relatou.

 

O ex-prefeito teve sua reeleição em 2016, atingindo quase 90% de votos nas urnas. Teve contas rejeitadas pela Câmara de Vereadores em duas ocasiões e, pode ser candidato normalmente neste ano beneficiado pela mudança da lei de improbidade administrativa, sancionada pelo presidente de Bolsonaro em outubro de 2021.

 

-A decisão da Câmara foi política na tentativa frustrada de tornar ele (Wellington Bielecki) inelegível, mas não há nenhum empecilho para candidatura dele e as urnas vão eleger um deputado de Mafra, tenho certeza – pontuou o “cabo eleitoral oculto” de Bielecki.

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil