Mafra(SC), Quarta-Feira, 10 de Agosto de 2022 - 14:02
23/05/2022 as 19:46 | Por Assessoria |
Doria gastou R$ 700 mil do fundo partidário na pré-campanha
Tucano desiste de sair candidato a presidente da República
Fotografo: divulgação
Dória desiste...sbcsul.23.5.22

Após sofrer pressão dentro do partido, o ex-governador João Doria (PSDB) anunciou a desistência da pré-candidatura ao Planalto , nesta segunda-feira (23). Sem saber que sairia da corrida presidencial, no entanto, Doria gastou R$ 700 mil do fundo partidário.

Cerca de R$ 2,5 milhões foram orçados pelo PSDB para pagar as despesas da pré-candidatura de Doria, que recebeu a informação que, a partir do momento que o apoio da sigla à pré-candidatura da senadora Simone Tebet (MDB) , os cofres da legenda seriam trancados para esse tipo de gasto.

De acordo com o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo , Doria usou a quantia do fundo partidário para financiar viagens, um escritório em São Paulo e seus funcionários. 

Segundo o jornalista, o montante usado para financiar a pré-campanha era uma preocupação do ex-governador, que não via sentido em gastar seu próprio dinheiro para bancar a ação.

Doria, então, combinou com seus assessores que usaria o último final de semana para pensar no que faria e conversar com sua família. Ontem, conforme o colunista, ele tomou a decisão, comunicou à família e avisou os auxiliares de maior confiança.

Doria vinha sofrendo pressão do PSDB para que ele desistisse da disputa presidencial . A estratégia do partido era evitar que a situação se estendesse até a convenção partidária, entre julho e agosto.

Em  reunião do último dia 18, os presidentes do PSDB, MDB e Cidadania decidiram que a senadora Simone Tebet (MDB) é mais viável eleitoralmente do que Doria.

 

Inicialmente, o  ex-governador havia ameaçado recorrer à Justiça Eleitoral para cobrar que o resultado das prévias realizadas pelo PSDB —  eleição interna vencida por Doria em dezembro — fosse respeitado, garantindo a sua candidatura ao Planalto.

O movimento, no entanto, perdeu força no entorno do paulista e, hoje, Doria anunciou a desistência da disputa .

“Me retiro da disputa com o coração ferido, mas com a alma leve”, disse Doria após se reunir com a cúpula do partido. O PSDB deve deliberar o apoio a Tebet em reunião da executiva nesta terça (24). 

Fonte: IG Política




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil