Fotografo: divulgação
...
Ilustrativa-sbcsul-17-05-20

Virou caso de polícia, agressão verbal, xingamentos e acenos de atos obscenos feito por parte de alguns jovens e adultos que praticavam o futebol num campo anexo ao Ginásio de Esportes José Muller, em Rio Negro, na tarde deste domingo, 17. As vítimas das agressões foram pessoas ligadas à saúde de Rio Negro, que sob a direção do médico Rodrigo Gondro, realizavam distribuição e máscaras e orientavam as pessoas sobre o contágio do Covid-19.
 
Segundo Rodrigo Gondro, ninguém usava máscara e o  grupo de desportistas amador se sentiu no direito de afrontar a equipe da Unidade de Saúde Vereador Irajá Martins. Enquanto os profissionais tentavam argumentar com o grupo de forma civilizada, os moradores da localidade que jogavam futebol partiram para os xingamentos e ameaças, tendo que a Polícia Militar ter que ser acionada para evitar que agressões físicas fossem praticadas, momento este que o grupo se dispersou e cada um foi para sua casa. O caso não gerou Boletim de Ocorrência (BO).
 
Rio Negro registra seis casos de Covid-19.