Fotografo: divulgação
...
Schelbauer e Valdir-sbcsul-4-1-20

É OU Não è... A  dois meses para abrir a janela partidária – mecanismo do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) que permite mudança de partido sem risco de perda de mandato -, ao menos dois vereadores dos 13 vereadores da Câmara Municipal de Mafra devem usufruir da brecha eleitoral e trocar de legenda.

 

Vereadores Edenilson Schelbauer e Valdir Sokolski (PSB)

Não é nenhuma novidade a saída dos dois do partido Socialista, essa conta é baseada na debandada de políticos que saíram da sigla depois que houve uma divisão bem diferenciada nas eleições presidenciais de 2018, entre esquerda e direita. O PSB é partido de esquerda.

Declarações dos próprios vereadores ao longo de 2019, são de deixar o partido. O primeiro, Schelbauer, chegou a ser sondado pela executiva estadual do PSB para assumir  diretório municipal em Mafra, mas Schelbauer declinou da possibilidade, de olho na janela que se abre em março para troca de partido e já com o pé no PL, do deputado Jorginho Mello.

Já Valdir Sokolski não tem um posicionamento para qual partido vai disputar a reeleição para vereança em outubro de 2020. Os dois não devem entrar na mesma agremiação política, mas Valdir não adianta qual será o rumo, afirmando que recebeu convites de diversos partidos. O palpite é que seja no PSD o desembarque de Sokolski, partido do prefeito Wellington Bielecki.