Fotografo: divulgação
...
Praça Lauro Muller-sbcsul.21.7.20

É ou não é...a questão de muitos mafrenses, adultos e adolescentes estarem dormindo nas ruas de Mafra, deve ser uma das pautas dos pré-candidatos a prefeito. O problema não é de hoje, vem se arrastando por anos e cada vez aumentando mais. Na manhã desta terça-feira, 21, equipes da Secretaria da Assistência Social e Habitação de Mafra realizaram uma força-tarefa para realização do mapeamento dos moradores em situação de rua. Os pontos percorridos foram o fórum, a casa noturna Celeiros, a rodoviária, o Ministério Público, a capela mortuária, a Praça Ferroviário Miguel Bielecki e um vagão atrás da própria secretaria. Em todos estes locais há uma ou mais pessoas que permanecem ali durante todo o dia ou utilizam as áreas para passar a noite. Ao todo foram realizadas sete abordagens, sendo a praça Lauro Müller (Alto de Mafra) o local com maior número de pessoas. O alcoolismo e a rejeição por parte de familiares da conduta deles, são causas sociais que precisam ser enfrentadas.
 
 
Segundo a secretária da pasta ad Ação Social, Kátia Borges Saliba, a maioria dos moradores em situação de rua recebeu bem as equipes, apenas um deles foi hostil. Contatou-se um morador de rua habitual, três que tem família em Mafra, mas optaram por ficar na rua, um rapaz que chegou a Mafra de bicicleta, vindo do Rio Grande do Sul, e que pediu ajuda para regularizar sua documentação, pois disse ter emprego em vista na cidade. Além destes, uma pessoa pediu ajuda para ser internada, por questões de alcoolismo e drogas, situação que a secretaria já resolveu junto à Associação Terapêutica Nova Amanhecer - Atena, a qual mantém convênio com a Prefeitura.
 
 
 
Avaliação
 
A secretária disse que o objetivo da ação era o de fazer o mapeamento para ver como ajudar estas pessoas. “Avalio como positiva esta ação, principalmente neste momento de pandemia e sem transporte rodoviário. A Assistência Social está indo até as pessoas em situação de rua, ouvindo o que têm a dizer e prestando auxílio, pois é esta nossa  preocupação”, concluiu a secretária que foi a campo junto com as equipes.
 
 
 
Viu alguém em situação de rua?
 
Se você vir algum morador em situação de rua, entre em contato com a Secretaria Municipal da Assistência Social e Habitação pelo telefone: 3643-7181. A secretaria atende de segunda à sexta-feira, das 8 às 12 horas e das 13h30 às 17 horas e fica na rua Benemérito Pedro Kuss, s/n, antiga estação ferroviária.