Fotografo: divulgação
...
Motivos expostos...sbcsul-02-05-20

 
 É ou não é...depois de 30 anos atuando em Rio Negro e Mafra (RioMafra), a  Viação Santa Clara divulgou no inicio da noite desta terça-feira, 2, uma nota à imprensa  justificando os motivos para não continuar fazendo o transporte coletivo em RioMafra. A empresa alega que buscou alternativas com as duas prefeituras para que um plano de continuidade dos serviços pudessem ser mantidos à população de Rio Negro e Mafra e que não recebeu retorno. A direção da Santa Clara ataca os dois prefeitos ao afirmar que vem estado no prejuízo por anos, arcando com muitas obrigações tributárias, com fornecedores e funcionários sem ter o respaldo necessário do Executivo de Mafra, principalmente. Ainda afirma que, a empresa ingressou com medida judicial na Justiça do Estado de Santa Catarina, para que o município de Mafra apresentasse  a sua manifestação, se desejava que os serviços de transporte coletivo tivessem continuidade e acrescentou que as duas administrações, tanto de Mafra quanto de Rio Negro eram lentas em tomar decisões.
 
 
A Prefeitura de Rio Negro contesta as declarações de inércia e de falta de diálogo com à direção da Santa Clara e diz que colaborou sempre que possível com as reivindicações da empresa, tanto nos reajustes das tarifas quanto no corte de linhas e que, mesmo assim a Viação Santa Clara deixava a desejar em atender o compromisso assumido em contrato que era de cumprir horários com os passageiros. A Prefeitura de Rio Negro alega que a Santa Clara não estava contente com a demanda de usuários dos ônibus do transporte coletivo e buscava obter da Prefeitura - "subsídios", o que não foi aceito pelo executivo rionegrense. Diz ainda, que fez proposta para Viação Santa Clara manter os serviços em Rio Negro, alegando que o transporte coletivo não foi impedido de funcionar e que a decisão de não voltar ao trabalho em Rio Negro foi uma opção da direção da empresa. Finalizou afirmando que estará contratando, através de licitação, outra empresa para atender os usuários do transporte coletivo rionegrense. 
 
 
A Prefeitura de Mafra não se manifestou!
 
 
Leia também - http://www.sbcsul.com.br/noticias/conteudo/viacao-sta-clara-demite-45-funcionarios-e-fecha-as-portas-para-riomafra/65822 
 
 
NOTA OFICIAL - SANTA CLARA
 
A Viação Santa Clara vem a público informar que está com seus serviços de transporte público de passageiros na modalidade serviço urbano paralisados por força de legislação estadual do estado de Santa Catarina há mais de 75 (setenta e cinco) dias. Durante esse período, vem suportando os custos da atividade sem a respectiva e necessária receita para fazer frente aos compromissos que são diários, mesmo com as atividades paradas – em especial, folha de salários, fornecedores e investimentos além das obrigações tributárias.
 
 
 
Informa ainda que na data de hoje, realizou reunião com todos os colaboradores para apresentar as dificuldades suportadas há anos, dentro de uma realidade de insegurança jurídica e de desequilíbrio econômico-financeiro do sistema de transporte do município de Rio Negro-PR e Mafra- SC situações essas causadas exclusivamente pela inércia de cada uma das administrações municipais.
 
 
Na oportunidade, apresentou aos colaboradores todas as medidas tomadas para manutenção da empresa e em especial todos os expedientes devidamente protocolados nas prefeituras municipais desde o final de 2018, sendo que até o presente momento não houve nenhum tipo de manifestação por parte das municipalidades, em especial nos expedientes protocolados em abril de 2020, portanto há quase 2 (dois) meses.
 
 
O expediente protocolado na Prefeitura de Rio Negro-PR, datado de 08 de abril de 2020, requerendo providências emergenciais para retomada das atividades segue, até o presente momento, sem resposta do município.
 
 
Também em expediente próprio, a empresa protocolou em 14 de abril de 2020, antecipando-o em e-mail endereçado as secretarias competentes em 08 de abril de 2020, ou seja, há mais de 45 (quarenta e cinco) dias, também sem manifestação alguma por parte da municipalidade de Mafra. A respeito desse expediente, em especial, a empresa ingressou com medida judicial na Justiça do Estado de Santa Catarina, para que o Município de  Mafra apresente a sua manifestação.
 
 
Dessa forma, a empresa esclarece que apresentou tempestivamente a realidade da situação jurídica e econômica dos sistemas de Rio Negro-PR e de Mafra-SC, informando a ambos os municípios que seriam necessárias diversas providências para que fosse viabilizada a retomada das atividades, o que infelizmente ainda não foi respondido até a presente data.
Lucas Pereira/SFS Ônibus
 
NOTA OFICIAL - PREFEITURA DE RIO NEGRO
 
A Prefeitura Municipal de Rio Negro, em face das notícias vindas da cidade de Mafra-SC, de que a empresa de transportes lá sediada, Empresa Santa Clara Ltda, encerrou suas atividades no dia de hoje, 2 de junho de 2020, vem a público esclarecer :
 
O município de Rio Negro sempre procurou atender as exigências da referida empresa em todos esses anos que a mesma prestou serviços de transporte coletivo entre Mafra e Rio Negro, inclusive atendendo as solicitações de majoração dos preços das passagens, quando demonstrados os custos e as necessidades para tal.
 
 Concordamos com a redução de linhas, quando a Santa Clara solicitou, pois algumas davam prejuízo pelo baixo número de passageiros. Fizemos, em conjunto com o município de Mafra-SC, também com grande desejo da empresa Santa Clara, a criação do Consórcio Intermunicipal Urbano, para gerenciar o transporte coletivo das duas cidades. Apesar de tudo isso, linhas continuaram sendo canceladas a pedido da Santa Clara, sempre com a justificativa de que tais linhas davam prejuízo.
 
 
Mesmo com todas essas dificuldades, o serviço vinha sendo prestado, até que no dia 18 de março o governo de Santa Catarina suspendeu o transporte coletivo em todo o Estado, inclusive em Mafra, local da sede da Santa Clara, que suspendeu suas atividades desde então. Rio Negro, com base no decreto do governo do Paraná, não suspendeu os serviços de transporte coletivo, inclusive o transporte público para a prefeitura nunca parou.
 
Leia também - http://www.sbcsul.com.br/noticias/conteudo/viacao-sta-clara-demite-45-funcionarios-e-fecha-as-portas-para-riomafra/65822  
 
 
Por isso, a prefeitura de Rio Negro resolveu notificar a empresa Santa Clara a retomar o serviço das linhas, apenas nos trajetos de Rio Negro, mas a empresa nos respondeu que sem majoração das tarifas e sem o pagamento de um subsídio por parte da prefeitura, não teria o interesse em continuar prestando serviço de transporte público aqui.
 
 
Por isso a prefeitura, desde então, busca alternativas para fazer o transporte coletivo público, pelo menos dentro do território rionegrense, e nos próximos dias esse serviço terá início. Além disso, o Consórcio Intermunicipal Urbano está contratando novas empresas que possam se interessar em assumir o transporte público coletivo de Riomafra.

Leia também - http://www.sbcsul.com.br/noticias/conteudo/viacao-sta-clara-demite-45-funcionarios-e-fecha-as-portas-para-riomafra/65822