Fotografo: divulgação
...
Mesa 2020-sbcsul-27-11-19

É ou não é...as vezes quem vai ler uma passagem bíblica na Câmara de Vereadores de Mafra, abre o livro aleatóriamente e lê, outros já tem por si o conhecimento das escrituras e vão direto ao ponto, por coincidência ou não o vereador Eder Gielgen (MDB) utilizou a tribuna da Casa de leis nesta terça-feira, 26, em sessão extraordinária e leu o  Salmo 133. “Oh, quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união. É como o óleo precioso sobre a cabeça, que desce sobre a barba, a barba de Aarão, e que desce à orla das suas vestes. Como o orvalho de Hermon, que desce sobre os montes de Sião, porque ali o Senhor ordena a bênção e a vida para sempre”.

Chapa única, Éder estava tranquilo para a eleição da nova mesa diretora da Câmara, começando em 01 de janeiro até 31 de dezembro de 2020 e citou salmos 133, que fala de harmonia. Considerado o vereador que mais apazigua ânimos o – conciliador, Éder ouviu algumas cutucas de quatro vereadores que não votaram na chapa encabeçada por ele. De 13 votos, 4 foram contra e eis as explicações:

Schelbauer- não fui procurado para definição da chapa, nem para apoio...eu vejo presença do prefeito nessa escolha da mesa, meu voto de repudio e não.

Dimas- cada um vota pela sua consciência, me dizem na rua que eu sou maria vai com as outras...o vereador Éder fez bem seu primeiro mandato como presidente,mas meu voto é não.
     

Wittinho- Respeito à Mesa, mas é não! 1º ano do Èder foi bom. Em nenhum momento fomos convidados a participar e já desde 2017 eu venho pedindo pelas sessões itinerantes no interior e bairros..., e hoje me deparo com excesso de gastos com combustível pela Câmara e nossas indicações não são lidas aqui na Casa ...vou deixar para dar os parabéns a esta gestão que começa em 2020 no final, em dezembro, porque aí terei feito uma analise, voto não!

Bello- Eu tenho a satisfação em dizer que dois chegaram a  presidência com meu apoio, para evitar que outras ali chegassem..Valdir, eu conversei com o chefe de gabinete da Prefeitura e lhe disse que Valdir seria o melhor nome para consenso. Èder , eu te disse que o prefeito estava contra você e você me ouviu e se posicionou a tempo e não voto na chapa porque tem alguém que faz parte da mesa que não está a altura do compromisso assumido. Voto contra.

O questionamento da vereadora Claudia veio em seguida: senhor vereador Bello, eu faço parte da mesa, somos quatro, eu, Éder, Cirineu e Adilson, qual seu desafeto? e Bello responde: nada contra a senhora, ao Èder ou ao Adilson.

4 ano da Legislatura 18

Presidente – Éder Gielgen (MDB)

Vice- Adilson Sabatke (PP)

Secretários – Claudia Buss e Cirineu Correa