Fotografo: divulgação
...
Câmara pode abrir CPI-sbcsul.15.9.20

O SBCSul teve acesso com exclusividade a denúncia feita por um (a) anônimo no dia 31 de agosto através da plataforma integrada de Ouvidoria e Acesso à informação da Câmara Municipal de Vereadores de Mafra, em que consta denúncias graves envolvendo a secretária de Saúde,  Jaqueline Fátima Previatti Veiga.

 

O (a) requerente denunciante quer que os vereadores abram CPI para apurar uma possível compra de um imóvel no valor de R$ 500 mil pela Secretária, “sendo que não coincide com a renda da atual secretária de saúde” diz o (a) denunciante. Outro apontamento é com relação a compra de imóvel na localidade de São Roque, em Itaiópolis, o qual o (a) denunciante aponta como irregularidade.

 

Entre outras citações de supostas falcatruas envolvendo compra e venda de fazenda e  terrenos, o SBCSul destaca na denúncia, a acusação de possível ação de corrupção por parte da secretária Jaqueline na contratação de ambulâncias terceirizadas. O (a) denunciante anônimo pede investigação por parte dos vereadores e, se caso confirmado as denúncias, encaminhá-las ao Ministério Público.

 

O SBCSul tentou mas não foi possível o contato com a secretária Jaqueline no dia de ontem para saber sua versão a respeito das denúncias. A Câmara decide na sessão ordinária de hoje a noite se acata ou arquiva a solicitação de CPI por parte do(a)anônimo.