Fotografo: divulgação
...
Bolsonaro e filho-sbcsul.7.10.20

O presidente Jair Bolsonaro fez uma doação irregular para a campanha de seu filho Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ), que tenta a reeleição como vereador no Rio de Janeiro. As informações são da Folha de S. Paulo.
 
 
Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o presidente depositou R$ 10 mil em dinheiro vivo na conta de campanha de Carlos. No entanto, segundo o tribunal, contribuições acima de R$ 1.064,10 só podem ser feitas por transferência bancária ou cheque.
 
A prática não é considerada crime, mas serve para evitar a lavagem de dinheiro nas eleições por dificultar o rastreamento da origem dos valores pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). Em 2018, a Procuradoria-Geral da República (PGR) sinalizou que “depósitos em espécie abrem margem para a prática de fraudes”.
 
 
Fonte Folha de São Paulo